Início

A Viola

Afinações

Agenda

Biblioteca

Blog do Angelim

Cifras

Discografias

Encordoamento

Fogão à Lenha

Fotos

Links Interessantes

Luthieria

Mestres Poetas

Mestres Professores

O Sagrado e o Profano

Porta Aberta

Rio Abaixo

Tablaturas

Videoteca

Violas, Minhas Violas

Violeiros

Maria Deodorina da Fé Bettancourt Marins, nascida num dia “11 de setembro de éra de 1800 e tantos”, era o nome verdadeiro de Diadorim na grande obra de Guimarães Rosa, “O Grande Sertão: Veredas”. Combateu ao lado de Riobaldo o temível bando do Hermógenes e nos brindou, entre uma vereda e outra, com histórias e frases inesquecíveis, em uma das mais belas viagens pelos sertões das Gerais.

 

Se não bastasse tudo isso, Deodorina é nome que vem de terras de longe, do estrangeiro distante, do grego téo + dorón e quer dizer Presente de Deus.

 

Por esses dois motivos é o nome de batismo de minha viola encantada, feita pelo grande mestre luthier Luciano Queiroz.

 

Viola com nome e sobrenome. Viola com personalidade e temperamento. Viola que é um verdadeiro presente de Deus.

 

 

 

 

Angelim

Conheça o livro

Roda de Viola

Armazém do

Angelim

Produção